Collections 728x90
Beleza

Resenha: Batom Líquido efeito Vinil 05 – Vult

Resenha: Batom líquido efeito Vinil 05 da Vult - Carol Doria

Já falei aqui no blog pra vocês sobre o batom vinil, e como as empresas estão apostando nessa tendência. Durante a Beauty Fair 2017 vi várias marcas com essa proposta, incluindo a Vult, que sempre arrasa nas novidades.

O Batom com efeito vinil tem essa aparência de molhado, semelhante ao gloss que a gente usava antigamente, lembra? A Vult lançou 5 cores desse batom, e eu recebi a 05 pra testar, um vermelho bem intenso e poderoso.

De cara eu já gostei tanto da cor, quanto da embalagem, que é bem diferente e tem essa transparência no meio, pra gente saber a cor do batom sem nem abrir. E o vermelho é super pigmentado e intenso, bem aberto e vibrante. É um tom que eu adoro usar. A consistência dele me agradou bastante, já que ela não é tão molinho quanto outros que eu testei, e é fácil de espalhar nos lábios. Mas tem que tomar um cuidado extra na hora de passar, pra não borrar, já que ele é mais soltinho do que os batons matte que a gente está acostumada a usar. O pincel dele é curvadinho, e achei ele ótimo pra passar o batom na boca, ele ajuda bastante a fazer o contorno dos lábios.

Swatch batom líquido efeito vinil 05 da Vult - Carol Doria

Já a duração e a fixação é um item que gera algumas controvérsias pra quem assim como eu testou o batom. Ele fixa bem nos lábios, mas por ele ter essa textura “molhada” acaba saindo no centro da boca, ficando só nos cantos em algumas ocasiões. Aí a duração dele não é muito boa, ficando intacto por uns 30 minutos mais ou menos (isso se você não for como eu que sempre esbarra a mão na boca ou se tiver na rua e o cabelo fica grudando no batom). Em todas as vezes que usei, o batom acabava escorrendo depois de alguns minutos, mesmo passando o lápis incolor (também da vult) ao redor dos lábios pra evitar esse acidente. Outra coisa que aconteceu foi grudar nos dentes, mesmo fazendo o truquinho do dedo pra tirar o excesso. Ele fica lindo assim que você passa, a boca fica enorme e até parece modelo de revista sabe, mas com o tempo ele vai escorregando dos lábios e aí tem que tirar e passar outra vez.

Uma coisa que eu reparei também é que não rola tirar esse batom sem o demaquilante bifásico ou água micelar. Tentei tirar ele com água quando estava na rua, e ele vira uma éspecie de gordura, não sai nem com sabão. Você até consegue tirar a cor depois de muitas lavagens, mas a película de verniz ainda fica, parecendo uma gordura mesmo. Com o demaquilante é super rápido, não tem borrão nem sofrimento hahaha.

Não sei se é a formulação ou a gente que ainda não tá acostumada com esse batom, mas pra mim ainda não deu certo nenhum batom vinil. Enquanto isso eu sigo usando eles pra tirar fotos, porque fica super lindo, olha só:

Resenha: Batom líquido efeito Vinil 05 da Vult - Carol Doria

Resenha: Batom líquido efeito Vinil 05 da Vult - Carol Doria

Depois de uma meia hora, ele deu uma escorrida e grudou um pouquinhos nos dentes:

Resenha: Batom líquido efeito Vinil 05 da Vult - Carol Doria

Resenha: Batom líquido efeito Vinil 05 da Vult - Carol Doria

E aí, alguém já usou esse batom? Foi uma experiência positiva ou negativa? Me conta.

Facebook |  Twitter  |  Instagram  |  Google +  |  Pinterest 

Comentários do Facebook
Previous Post Next Post

You Might Also Like

Sem Comentários

Deixe um Comentário